Blog de um algarvio, nascido e criado em Olhão, orgulhoso da sua terra, adepto fervoroso do S.C.Olhanense, licenciado em Biologia pela Universidade do Algarve, e mestre em Biologia da Conservação pela Universidade de Évora.
publicado por Ventura | Quinta-feira, 01 Maio , 2008, 21:55

Cientistas descobriram que a simples presença de pedaços de uma liga metálica especial consegue afastar os tubarões das redes de pesca. A descoberta ajudará a resolver dois problemas, um ambiental e um económico, de uma só vez e a um custo muito baixo.


Os biólogos conservacionistas têm estudado diversas técnicas para evitar que os tubarões sejam aprisionados por acidente, o que tem feito diminuir perigosamente a população de várias espécies. Já os biólogos ligados à indústria da pesca procuram meios de afastar os tubarões porque eles afastam os outros peixes, diminuindo o rendimento da pesca.


A liga metálica electropositiva, formada por paládio e neodímio, altera o padrão de natação dos tubarões e inibe temporariamente sua alimentação em grupo. Estes metais inibem o ataque dos tubarões às iscas de pesca interferindo com o seu sistema electroreceptivo, que é capaz de detectar ténues campos eléctricos, inclusive aqueles gerados pelas presas.


Os cientistas acreditam que os campos eléctricos gerados pelas ligas metálicas electropositivas repelem os tubarões sobrecarregando seus sistemas sensoriais.


As experiências mostraram que os tubarões mantêm-se a uma distância de cerca de 60 centímetros das barras metálicas e nem mesmo atacam iscas cortadas que estejam a menos do que 30 centímetros do metal.


"Este estudo mostra claramente que a liga tem o potencial para repelir tubarões das redes de pesca oceânicas, de forma que eles não sejam capturados por acidente, mas o tamanho óptimo e o formato da liga e outros factores ainda precisam ser determinados" diz o pesquisador Richard Brill.


Já existem equipamentos electrónicos capazes de repelir tubarões, mas eles são grandes e não podem ser simplesmente incorporados directamente nas redes de pesca. Os cientistas esperam que estas pequenas barras de liga metálica, presas às redes, venham resolver definitivamente o conflito entre tubarões e pescadores.

(fonte)


mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
Maio 2008
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
15
17

19
23
24

25
27


arquivos
links
pesquisar neste blog
 
blogs SAPO