Blog de um algarvio, nascido e criado em Olhão, orgulhoso da sua terra, adepto fervoroso do S.C.Olhanense, licenciado em Biologia pela Universidade do Algarve, e mestre em Biologia da Conservação pela Universidade de Évora.
publicado por Ventura | Sábado, 09 Junho , 2007, 12:33

Sinto-me só!

O mês de Maio foi mau! E porquê? Porque, das 4 séries que sigo e que me dão mais prazer de episódio para episódio, as 4 acabaram nesse mês!

Heroes, Lost, The Office e My Name is Earl. Ok...Dr. House também deveria estar aqui, mas devido a alguns problemas com o tempo disponível fizeram-me exclui-lo mas em breve a 3ª season do Dr.House será devorada (quem sabe já este mês?). Voltando ao assunto inicial...as 4 séries acabaram as suas seasons e fiquei sozinho. Agora nada mais há a fazer do que esperar...

Mas enquanto espero, e sem revelar muito acerca do final para quem não viu ainda, aqui vai a minha opinião acerca de cada uma:

Começando pelas mais cómicas, encontramos The Office e My name is Earl. Muitas dores de barriga de tanto rir me proporcionaram estas duas séries.

Numa, o dia-a-dia num escritório de uma empresa de venda de papel, liderado por Michael Scott (Avé grande Steve Carell Avé!), e com as grandes presenças de Rainn Wilson (Dwight Schrute na série) e John Krasinski (Jim Halpert na série). Também não podemos deixar de falar da Pam (Jenna Fischer), que muitos momentos passou com Jim, românticos por um lado e cómicos por outro, com os incessantes planos para gozar com Dwight. A série acabou, acabando a minha principal fonte de humor nos ultimos tempos. Vamos lá ver para quando a próxima (4ª) season.

Na minha outra fonte de humor, encontramos as peripécias de um ex-delinquente, Earl, que, após ver que a sua vida tem sido uma porcaria só fazendo mal aos outros, resolve então mudar completamente tornando-se num homem bom para a sociedade. Earl cria então uma lista, com todas as coisas más que fez e, com o tempo resolve compensar uma a uma. Tenho pena por esta série ter acabado, as peripécias de Earl (Jason Lee), o seu caricato irmão Randy (Ethan Suplee), a bela Catalina (Nadine Velazquez), e o casal Joy e "Crabman" (Jaime Pressly e Eddie Steeples) vão-me fazer muita falta até à próxima season.

 

Chegamos agora à parte das duas séries que mais tinta fez correr na internet: Heroes e Lost.

A história até parecia simples ao início, um avião despenha-se no oceano durante uma das suas viagens, e os sobreviventes chegam a uma ilha selvagem e ai têm de sobreviver até chegar as equipas de resgate. Parecia simples, mas não é! O avião despenha-se...tudo bem...mas não chegam a uma simples ilha selvagem...chegam À ilha. A partir daqui começa um tornado de histórias, lutas, mortes, aventuras, relações, tão grande que uma pessoa fica agarrada à série logo desde o primeiro momento!  O último episódio desta última season, foi mais uma cereja em cima do bolo como têm sido habitual nas outras seasons. Mais uma vez, fiquei agarrado para outra season apenas com um receio. Este receio, tem vindo a seguir-me desde a 2ª season. Tenho medo que os escritores de Lost se percam na história, deixando muitos fios soltos por atar. Tenho medo de seguir esta série até ao último episódio e depois ficar muito por responder. Vamos lá ver que solução os escritores darão...

 

Esta série (a mais recente) conta a história de um grupo de pessoas que descobrem que possuem poderes especiais. As dúvidas de Peter, as atitudes de Nathan, a simplicidade e o humor de Hiro e Ando, e todas as relações entre estes e Claire, Bennet, Mohinder, Niki e o vilão todo-poderoso (que até balas pára) Sylar, foram muito importantes para me agarrar a esta série desde o início. Para este último episódio estava à espera do climax total para a luta final entre Peter e Sylar com Hiro à mistura mas...fico apenas no mas porque somos brindados com o final mais banal que podia ocorrer. Desilusão é a palavra certa para descrever a luta final. É como se um balde de àgua fria caísse sobre mim após ocorrer a luta. Com o desenrolar do episódio são referidos certas pessoas que possivelmente terão um papel muito importante na próxima season. Como nota final fica apenas um desejo para a próxima season: que seja tão boa como a primeira mas que não caia na banalidade.


Knoxville a 22 de Junho de 2007 às 15:16
O final de Heroes foi mesmo a desilusão do ano, pelo menos para mim também. Aliás, não foi só o final, foram os últimos 5/6 episódios. Uma verdadeira tristeza quando comparados com o que tinha sido dado de inicio.

Cumprimentos

_Loot_ a 23 de Junho de 2007 às 11:51
O súltimos 5 não digo porque gostei do episódio que se passou no futuro, mas concordo o finald e heroes foi a "desilusão" em termos de séries.
Já Lost a partir de um certo episódio teve sempre em alta e terminou em grande mesmo.

mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
Junho 2007
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
13
15
16

17
19
20
22

26
27


arquivos
links
pesquisar neste blog
 
blogs SAPO