Blog de um algarvio, nascido e criado em Olhão, orgulhoso da sua terra, adepto fervoroso do S.C.Olhanense, licenciado em Biologia pela Universidade do Algarve, e mestre em Biologia da Conservação pela Universidade de Évora.
publicado por Ventura | Sábado, 21 Julho , 2007, 13:30
Apanhando a onda que o filme dos Simpsons andam a criar em todos, aqui fica a entrevista de Matt Groening (criador dos Simpsons) no Daily Show...estreia em Portugal no dia 26 de Julho...a não perder!!!
(Obrigado ao Markl e ao Cineblog pelas informações)

publicado por Ventura | Sábado, 21 Julho , 2007, 12:47

Nome comum: Verdilhão

Nome científico: Carduelis Chloris

Nome em inglês: European Greenfinch

O verdelhão, pertencente á mesma Família - Fingillidae, e ao mesmo Género - Carduelis do pintassilgo, é uma ave muito conhecida nos campos em Portugal. Estando distribuidos pela Europa, Ásia Ocidental e África Setentrional, o verdilhão mede entre 14 e 15 centímetros, aproximadamente, e é facilmente distinguível através das suas tonalidades verdes e amareladas. Os machos possuem uma tonalidade mais intensa e um canto mais elaborado que as fémeas, enquanto que os jovens apresentam umverde acinzentado, pardo e raiado.

De temperamento sociável costuma frequentar os jardins, parques e campos cultivados onde procura o alimento que se baseia em sementes, cereais, gramínias e, raramente, insectos. Devido à abundância de alimentos e à sua condição de ave prolífera, pode realizar 3 posturas por ano, com 4 a 6 ovos, azul.claros com manchas pretas, incubados pela fêmea durante 12 a 14 dias. O seu periodo de nidificação situa-se entre Março e Abril. As crias nascem cobertas por uma fina penugem que mais tarde cairá para dar lugar às penas definitivas, permanecendo no ninho durante um periodo de 16 a 20 dias.

Não se pode dizer que os dilhões nascidos no nosso país, realizam verdadeiras migrações, mas sim curtas deslocações dentro da peninsula, embora no inverno possam procurar lugares de menor altitude e latitude.

Os machos realizam uma série de rituais para atrair a fêmea, levantando as asas e a cabeça, despegando a cauda em forma de abanador, ao mesmo tempo que soltam uma série de notas não muito melodiosas, com um ruido nasal, acabando com um forte assobio. 


publicado por Ventura | Sábado, 21 Julho , 2007, 12:24

Andava eu, ontem, pelo Fórum Algarve em Faro...dirijo-me, então, ao balcão do SBC International Cinemas na busca de um dos seus panfletos informativos acerca das estreias nas suas salas de cinema quando me deparo com isto...

Onde está a causa de toda esta indignação? Estejam à vontade em responder nos comments... 


mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
Julho 2007
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5
6
7

8
9


23
24
25

29
31


arquivos
links
pesquisar neste blog
 
blogs SAPO
subscrever feeds