Blog de um algarvio, nascido e criado em Olhão, orgulhoso da sua terra, adepto fervoroso do S.C.Olhanense, licenciado em Biologia pela Universidade do Algarve, e mestre em Biologia da Conservação pela Universidade de Évora.
publicado por Ventura | Domingo, 21 Outubro , 2007, 18:30
E assim acabou mais um Campeonato do Mundo de Rugby...

Ontem, dia 20 de Outubro, realizou-se a final do Campeonato do Mundo de Rugby, no estádio State de France em Saint Denis. A final foi marcada pela presença da África do Sul e  pelos campeões do Mundo no evento anterior Inglaterra. A vitória coube à África do Sul pelo resultado  15 - 6, vencendo assim pela segunda vez (foram vencedores em 1995 na África do Sul) a prestigiada e tão desejada Taça Webb Ellis. Iguala assim também com dois títulos a Austrália. Não ligando aos vencedores, este campeonato, digam o que disserem, foi marcado pela presença da comitiva portuguesa. Uma equipa de "amadores" que perdeu todos os jogos mas que foi sempre ovacionada pelo público em geral há-de ficar marcada para sempre na história deste desporto. Portanto, apenas posso dizer mais uma coisa...

Obrigado Lobos!!!
tags:

publicado por Ventura | Domingo, 21 Outubro , 2007, 18:09
tags:

publicado por Ventura | Domingo, 21 Outubro , 2007, 17:22
A associação Amigos da Serra da Estrela (ASE) espera que pelo menos metade dos seis mil carvalhos que hoje estão a ser plantados com o apoio da Força Aérea consiga crescer.

«Essa é a nossa previsão, mas a natureza é que manda», explicou à agência Lusa José Maria Saraiva, director da ASE e coordenador do projecto de reflorestação «Um milhão de carvalhos para a Serra da Estrela». Às 9:30h cerca de 200 voluntários partiram a pé em cinco grupos para percorrerem outras tantas rotas junto ao Vale Glaciar do Zêzere.

Cerca de um hora depois já tinham chegado aos locais de plantação, para onde um helicóptero Alouette da Base Aérea de Beja começou a transportar paletes de pequenos carvalhos.

Estima-se que a operação decorra até cerca das 16:00h e que sejam transportadas seis mil árvores ao longo de 10 a 15 voos de curta duração, com o ponto de carga situado na encosta do vale oposta aos cinco locais de plantação.

O helicóptero é tripulado por dois elementos da Força Aérea enquanto o tenente-coronel António Seabra coordena as operações no solo. A acção está enquadrada nas actividades da Força Aérea como um treino de qualificação de voo de montanha.

Depois da acção de hoje com o apoio da Força Aérea, a campanha de reflorestação «Um milhão de carvalhos para a Serra da Estrela» continua nas próximas semanas com visitas de escolas, com a plantação entregue aos mais novos.

A campanha é coordenada totalmente por voluntários da ASE e outras entidades ligadas ao ambiente e cadeia montanhosa mais alta de Portugal Continental.

Desde que arrancou, em 2006, a campanha já plantou e semeou 50 mil árvores numa faixa junto ao Vale Glaciar do Zêzere entre os 1400 e 1600 metros de altitude.

A ideia nasceu depois dos incêndios florestais que devastaram o vale do Parque Natural, em 2005, agravando a erosão. No Inverno seguinte, com a chegada das chuvas, desabamentos de terras chegaram a fechar a única estrada que atravessa o vale.

DD/Lusa

tags:

publicado por Ventura | Domingo, 21 Outubro , 2007, 17:16
A quantidade de dióxido de carbono que os oceanos absorvem tem estado a diminuir nos últimos 10 anos, o que pode acelerar o efeito de estufa, segundo um estudo da Universidade de Ânglia Oriental (Inglaterra).

Os investigadores analisaram a absorção de CO2. Ao todo realizaram 90 mil medições em navios mercantes no Atlântico Norte, entre meados dos anos 1990 e 2005. Os dados mostram uma redução pela metade do CO2 absorvido pela massa oceânica.

Segundo os autores do estudo, publicado no Journal of Geographysical Research, os resultados são ao mesmo tempo surpreendentes e inquietantes. Indicam que com o tempo o oceano pode ficar saturado com as emissões de CO2, produto da actividade humana.

Os investigadores não puderam estabelecer por enquanto se a menor absorção de CO2 pelos oceanos é consequência directa das alterações climáticas ou um fenómeno natural.
Noticia retirada d´aqui...
tags:

publicado por Ventura | Domingo, 21 Outubro , 2007, 16:42
...com a proposta do CDS.
Não que eu ligue muito à política nacional mas li esta notícia e concordo com a proposta que será apresentada pelo líder parlamentar centrista, Diogo Feio. As alterações de natureza disciplinar no estatuto do aluno.
Os pais comprometer-se-ão a
respeitar o regulamento do estabelecimento de ensino que «escolheram livremente», nomeadamente quanto à assiduidade dos seus filhos. Esta proposta faz sentido em vez da do PS, que defende que qualquer aluno que ultrapasse o limite de faltas, justificadas e injustificadas, seja sujeito a uma teste de avaliação que lhe permite transitar de ano, mesmo que a nota não seja positiva. Cada vez fala-se mais da falta de exigência do ensino em Portugal e por esse caminho não vamos lá.
Outro ponto defendido pela proposta do CDS é o empréstimo dos manuais escolares através das escolas. Os manuais seriam emprestados a todas as famílias mediante o pagamento de uma caução. Esta caução seria devolvida no final do ano lectivo consoante o estado físico do livro (se este estivesse em muito mau estado a caução seria retida para a troca do livro).
Agora corrijam-me se estou enganado mas finalmente encontra-se gente no governo que pretende reformular o ensino em função da qualidade e não pela quantidade dos alunos no final da escolaridade obrigatória. A ver se isto continua assim e não é apenas "fogo de vista".
tags:

publicado por Ventura | Domingo, 21 Outubro , 2007, 16:13
Há muito que não ouvia isto...

publicado por Ventura | Domingo, 21 Outubro , 2007, 12:10

Nome comum: Abetarda comum
Nome científico: Otis tarda
Nome em inglês: Great Bustard

Pertencente à família Otididae, a abetarda-comum (Otis tarda) é uma ave estepária da ordem gruiformes. É a mais pesada das aves europeias, sendo dificilmente observável quer pela sua timidez quer pelo decréscimo acelerado da sua população. Na Europa a sua presença encontra-se limitada à Rússia e à Península Ibérica, em habitats relacionados com a prática de agricultura cerealífera extensiva. Em Portugal existirão algumas centenas, essencialmente no Alentejo.

É uma ave grande, chegando os machos a medir 90 centímetros de comprimento e a pesar 16Kg, mas com único meio de defesa: o vôo. Por causa disso, ela é extremamente esquiva e assustadiça. A menor mudança em seu ambiente familiar provoca sua suspeita, e até mesmo simples pedra revirada pode torná-la cautelosa. Nunca se arrisca. Prefere correr, levantar vôo e fugir. A sua plumagem é castanha com listas pretas no dorso possuindo o peito e a zona da cabeça branca. Passa o seu tempo escondida entre as plantações de cereais e nas estepes da Europa oriental, Norte da África e Espanha. No inverno é encontrada também na Austrália, na Índia, no sul e no centro da África. Mas esconder-se, no seu caso, não é fácil, pois é uma das maiores aves.

A abetarda vive em bandos de cerca de 20 indivíduos, alimentando-se plantas, sementes e insetos. Em Fevereiro, começa a estação de acasalamento e o comportamento dessa ave muda muito: os grupos desfazem-se e as aves andam sem rumo, até o início da época em que vão para o campo construir ninhos. As fêmeas costumam por 2 a 3 ovos de cada vez e o periodo de incubação leva aproximadamente 24 dias. Estranhamente, quando nascem os filhotes, essa ave cautelosa passa a atrair os intrusos. É o seu jeito de afastá-los do ninho e assim proteger os filhotes.


mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
Outubro 2007
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
12

17
19

22
23
24
25
27

30
31


arquivos
links
pesquisar neste blog
 
blogs SAPO
subscrever feeds